segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Resumo



IMPRESSIONISMO

1.      O MOVIMENTO IMPRESSIONISTA: COR E LUZ
·        Marcou a 1ª revolução artística total desde o Renascimento
·        Separou-se radicalmente da tradição rejeitando: a perspectiva, a composição equilibrada, as figuras idealizadas do chiaroscuro da Renascença.
·        Sensações imediatas através da luz e da cor

2.      OBJETIVO PRINCIPAL DOS IMPRESSIONISTAS:
·        Apresentar uma impressão ou percepções sensoriais iniciais registradas pelo artista num vislumbre.
·        Usaram como base a observação de Leonardo: o rosto de uma pessoa fica verde quando ela caminha por um campo ensolarado.

3.      IMPRESSÃO: NASCER DO SOL – MONET, 1872.
·        Pintura responsável pelo nome que o grupo recebeu: impressionistas, cunhado pelo crítico como um reparo depreciativo sobre a natureza “não acabada das obras” (o termo foi usado antes para denotar um tratamento rápido, à moda de esboço, ou primeira reação intuitiva, a um tema).

4.      O PRIMEIRO IMPRESSIONISMO: 1862 -1886
·        Elenco original: Manet, Monet, Renoir, Degas, Pissarro, Sisley, Morisot, Cassat.
·        Temas: paisagens ao ar livre, beira de mar, ruas e cafés parisienses.
·        Propósito: retratar sensações visuais imediatas de uma cena.

5.      AS MULHERES NA PINTURA:Cassat e Morisot
·        Mary Cassat: (EUA) - desenhista de talento como Degas, inspirada nas gravuras japonesas; marca registrada são imagens de mães retratadas com seus filhos. Pintou óleos, pastéis e gravuras.
·        Berthe Morisot: bisneta de Fragonard, inteligente e independente. Pintava ao ar livre com Corot. Pintava cenas domésticas, mulheres e crianças. O único homem que pintou foi seu marido Eugène Manet.

6.      PISSARRO: paternal e pacificador dos impressionistas.
·        Excelente: na reprodução exata de cenas externas com cores vivas e pinceladas muito recomendadas.
·        1890-92: flertou brevemente com o Pontilhismo de Seurat e Signac.
·        Dizia: “É preciso ser humilde diante da natureza.”
·        Professor paciente: instruiu Cézanne no controle da forma através da cor e das pinceladas em diagonais.
·        Definido por Cézanne como: “Humilde e colossal”.
7.      ARTISTAS: COMO DISTNGUI-LOS

ARTISTA
MANET
MONET
TEMAS
Atualizou temas dos Antigos Mestres, pintou cenas contemporâneas com visão crítica.
Paisagens marinhas, séries sobre campos de papoulas, rochedos, montes de feno, a Catedral de Rouen(mais de 30 telas); fase final da obra: nenúfares aquáticos quase abstratos.
CORES
Manchas escuras contra a luz usavam o preto como acento; inicial: escuro; final: colorido.
Tons solares, cores primárias puras em pinceladas (as sombras eram cores complementares uma ao lado da outra)
ESTILO
Formas simplificadas com um mínimo de modelo, manchas de cor chapada com contorno preto.
Dissolvia a forma em luz e clima, contornos suaves, ar impressionista clássico.
RECOMEN-DAÇÃO
“O artista procura simplesmente ser ele mesmo e mais ninguém”
“Tente esquecer que objetos tem à sua frente, árvore, casa, campo ou o que for. Pense apenas: Aqui está um quadradinho azul, aqui uma forma oblonga cor-de-rosa, aqui uma faixa amarela e pinte-a exatamente como você a vê.”
OBSERVA-ÇÃO
Pai da Arte Moderna.  Nunca expôs junto aos impressionistas, considerado como líder por  Renoir e Monet .
Obsessão pela luz e cor.
8.      ARTISTAS: COMO DISTNGUI-LOS
ARTISTA
RENOIR
DEGAS
TEMAS
Nus femininos voluptuosos, com pele de pêssego, o café-society, crianças e flores.

Retratos de figuras humanas em pausa após a ação: bailarinas, corridas de cavalo, café-society, lavadeiras, circo; fase final da obra: nus no banho.
CORES
Vermelhos ricos, cores primárias, detestava o preto – usava o azul em seu lugar.
Tons vistosos lado a lado para obter vibração; inicial: pastel suave: final vastas lambuzadas de pastéis em cores ácidas.
ESTILO
Inicial: pinceladas rápidas, figuras manchadas misturadas ao fundo nublado; final: estilo mais clássico, nus solidamente formados.
Ângulos não convencionais com figuras amontoadas na beira da tela, composição assimétrica com vazio no centro.
RECOMEN-DAÇÃO
“pinte com a mesma alegria com que faria amor com uma mulher”.
“Mesmo quando trabalha a partir da natureza, a pessoa tem que compor”.
OBSERVA-ÇÃO
Amor, volúpia e riso. Nus.
Impressionista relutante. “A arte não é esporte” (explicando por que ele detestava pintar ao ar livre. Primeiro pintor a expor pastéis como obra inacabada.
Escultura: "

STRICLAND, Carol. Arte comentada: da pré-história ao pós-moderno. Trad. Angela Lobo de Andrade. Rio de Janeiro: Ediouro, 1999.

Pesquisar aqui

Frase do dia