domingo, 21 de agosto de 2011

Memorial GTS


Quero falar neste meu último memorial desta caminhada de dois anos.
Durante este tempo pensei muito em desistir deste Curso, mas logo pensei que não seria uma boa saída e sim uma entrada...Apesar de muito trabalho, cansaço e muitas dificuldades, valeu a pena porque através deste curso aprendi muito.
Foi uma caminhada de muitas experiências e com isso passei a renascer com meus alunos e fico feliz com todo trabalho realizado.
Com os ensinamentos do Programa de Formação de Professores em Exercício – PROFORMAÇÃO, nestes dois anos, aprendi uma nova forma de avaliar os meus alunos, apliquei brincadeiras, conversas, passeios, realizei festinhas, atividades com a participação dos meus alunos dando suas opiniões e sugestões.
Agora já sinto ansiedade por fazer logo o concurso de professores. É claro que tenho medo do resultado, mas não quero mais esperar. Tenho agora é que pensar positivo e confiar no que aprendi e sei que embora tenha aprendido muita coisa ainda falta muito a aprender.
No decorrer desses dois anos, foi exigência do PROFORMAÇÃO que fizéssemos um projeto. Foi um “Deus nos acuda”, logo no início porque tanto eu quanto as minhas colegas, não tínhamos experiência neste assunto e pensávamos que não conseguiríamos realizar um trabalho a contento, mas já que não havia escapatória, resolvi arregaçar as mangas e enfrentar o desafio, o jeito foi escolher um tema e desenvolver o projeto.
Eu, particularmente sempre tive curiosidade sobre o funcionamento de uma rádio, e isto me levou a entrar em ação e fazer um sério trabalho de pesquisa que me esclarecesse a montagem dos programas, a produção, a sonoplastia, a utilidade pública, o entretenimento, enfim, todo processo de formação e montagem de um programa de rádio.
Foi com o objetivo de levar todas as informações e esclarecimento aos meus alunos e fazê-los conhecer a parte técnica de uma programação de rádio, a parte comercial, a parte artística e a história da fundação das rádios de Floriano, que elaborei o meu projeto.
Fiz uma minuciosa pesquisa e tive a grata satisfação de ampliar meu conhecimento sobre o assunto escolhido. Descobri que os comunicadores são pessoas muito batalhadoras que vivem à caça de informações – ou seja, estão atentos permanentemente - para manter os ouvintes bem informados e que fazem isso com grande responsabilidade.
 Estive nas cinco rádios de Floriano, fiz perguntas, questionei como era feita cada coisinha e aos poucos fui montando o meu trabalho.
Agora que o mesmo foi concluído, sinto que foi cansativo, mas também foi gratificante, pois foi uma experiência maravilhosa e enriquecedora. Tive o prazer de participar de alguns programas e conheci de perto a realidade deles.
Outra experiência gratificante que marcou os meus alunos, foi a excursão que fiz com eles até a cidade de Floriano para visitar a “Feira de Ciência” realizada pelo colégio “São Francisco de Assis”. Nesta feira, meus alunos tiveram a oportunidade de conhecer uma realidade diferente da deles e fazer uma comparação entre as duas realidades para com isto pensarmos juntos no que podemos fazer para melhorar nossa aprendizagem.
Por tudo que relatei aqui e pelas coisas que não mencionei, mas que me fizeram uma professora mais dinâmica é que quero agradecer a você Tutora, que foi uma mãe para todas nós – as dez professoras cursistas que estavam sob suas orientações – e compartilhou com amor de mãe de nossas vidas e deixou marcas em nossas escolas e uma grande amizade. Foi um trabalho maravilhoso para todos nós.

Gildete
(Mato Grosso, dezembro 2001)

Pesquisar aqui

Frase do dia