quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Tipos de pesquisa


Durante este curso, nos deparamos com algumas dificuldades concernentes às disciplinas e a própria estrutura do curso. Mas aprendemos muitas coisas, aprimoramos nossos conhecimentos e obtivemos maior segurança nas TICs.
Vimos que a pesquisa em sala de aula compõe em importante instrumento para a superação do colapso que vive a educação atual, cujo foco está na produção do conhecimento.
Quanto aos tipos de pesquisa, entendemos que:
·         Estado da arte ou estado do conhecimento, segundo Ferreira (2002), consiste em investigação bibliográfica que procura explicar um problema a partir de referências teóricas e/ou revisão de literatura de obras e documentos que se relacionam com o tema pesquisado.
·         Estudo de caso - Segundo Gil (1991), nessa modalidade o pesquisador preocupa-se em estudar um único caso com profundidade para alcançar uma maior compreensão sobre outros casos similares, permitindo novas descobertas de aspectos que não foram previstos inicialmente. Por lidar com fatos/fenômenos normalmente isolados, o estudo de caso exige do pesquisador grande equilíbrio intelectual e capacidade de observação, além de moderação quanto à generalização dos resultados.
·         Pesquisa Ação/Levantamento - nessa modalidade o pesquisador realiza o levantamento de dados unindo pesquisa e prática para chegar ao conhecimento. Para Soares (2009), “ação acontece quando há interesse coletivo na resolução de um problema ou suprimento de uma necessidade (...). Pesquisadores e pesquisados podem se engajar em pesquisas bibliográficas, experimentos, etc., interagindo em função de um resultado esperado. Nesse tipo de pesquisa, os pesquisadores e os participantes envolvem-se no trabalho de forma cooperativa. A pesquisa-ação não se refere a um simples levantamento de dados ou de relatórios a serem arquivados. Com a pesquisa-ação os pesquisadores pretendem desempenhar um papel ativo na própria realidade dos fatos observados.  
O método de pesquisa descritivo tem como características observar, registrar, analisar, descrever e correlacionar fatos ou fenômenos sem manipulá-los, procurando descobrir com precisão a freqüência em que um fenômeno ocorre e sua relação com outros fatores, por isso acho que é o que mais se adéqua a minha realidade. Porém para meu TCC ainda estou em dúvida entre o estudo de caso e o projeto de ação, os dois tipos de pesquisa estão mais próximos da minha realidade de pesquisadora. Não fiz nenhum tipo de pesquisa em sala de aula de forma sistematizada. Minha experiência se resume aos projetos de leitura e feira de ciências. 

FERREIRA, Norma Sandra de Almeida. As Pesquisas denominadas “Estado da Arte”. Educação & Sociedade, ano XXIII, nº 79, Agosto/2002. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/es/v23n79/10857.pdf. Acesso em: 09 set. 2010.  
GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 3 ed. São Paulo: Atlas, 1991. 207 p
SOARES, José Joaquim.    Metodologia do Trabalho: pesquisa científica. Disponível em: http://www.jjsoares.com/media/download/Pesquisa%20_Cient%C3%ADfica_novo.doc
Acesso em: 09 set. 2010.

Pesquisar aqui

Frase do dia